Amantes (Two Lovers, 2008)

by

Amantes (Two Lovers)

Por Bruno Pongas

O nome Amantes pode sugerir uma série de coisas: uma comédia romântica fútil no melhor estilo Adam Sandler, um draminha bobo sobre casais ou até mesmo aventuras sórdidas e picantes mundo afora. Os amantes de James Gray, no entanto, se destacam por muitos outros motivos. Sem risadas, sem clichês, sem nenhum artifício marcante típico do cinema contemporâneo norte-americano. Vemos aqui uma pequena obra-prima (sem receio algum em afirmar isso): encantadora por natureza, triste e cheia de elementos marcantes.

Amantes pode ser considerado muito mais do que um drama profundo entre casais. Vai muito além disso… é um estudo completo e minucioso de personagens – daqueles bem difíceis de se ver por aí. O que James Gray faz com seu Leonard (Joaquin Phoenix) é algo genial, sem exageros. O desenvolvimento psicológico ali contido nos remete aos grandes clássicos do passado, em que obra e personagem se completam numa simbiose quase que perfeita.

Podemos contar aí o bom trabalho de Joaquin Phoenix, que é um dos atores de primeira linha na hollywood atual (aliás, alguém sabe se ele já desistiu da carreira de rapper?). Phoenix encontra o tom ideal para o seu melancólico personagem. Seus sentimentos, misto de angústia e ansiedade, aparecem com muita clareza para o espectador – coisas que só excelentes intérpretes conseguem transmitir. A ajuda de Gwyneth Paltrow e Vinessa Shaw, as amantes, também é primordial para o bom resultado. Aqui, Gray utiliza todo o potencial de Paltrow, que demonstra seu talento com propriedade (ao contrário de Homem de Ferro, por exemplo, onde ela foi praticamente engolida pelo roteiro).

Falando em roteiro, vale ressaltar a qualidade do mesmo: uma história bem contada, imprevisível e com ‘suspense’ na medida certa… precisa de mais? Claro! A fotografia e a trilha sonora marcam outro ponto fundamental. A primeira, em tons escuros, pontua o clima amargo da trama. A segunda, por sua vez, colore as principais passagens com delicadeza e inteligência. Só achei (e agora como cricrítico mesmo), que Gray deveria se apegar um pouco mais a um aspecto: como um personagem igual ao Leonard tem uma atitude semelhante à que lhe deixou naquele estado melancólico? (me refiro à atitude de sua ex-noiva). Talvez tenha sido um ato impensado de alguém que buscava cegamente amar e ser amado. Ao meu ver, entretanto, faltou um pouco mais de cuidado com esse ‘conflito’.

Amantes é daqueles filmes que pintam raramente por aí. James Gray mostra todo seu potencial com um trabalho quase perfeito, se destacando como um dos tops cineastas da atualidade. Exagero? Quem sabe… se ainda falta muito para ele chegar na lista dos melhores, pelo menos com esse novo trabalho ele galga muitos degraus. Na onda do badalado Anticristo, quem parece roubar a cena é um dos que haviam sido pouco falados até aqui. Ah, e antes que reclamem, achei o final bem legal, mesmo pendendo nitidamente para o happy end. Sinceramente? Eu preferi assim!

Minha Nota: 10.0

Direção: James Gray
Gênero: Drama
Duração: 100 minutos
Elenco: Joaquin Phoenix, Gwyneth Paltrow, Vinessa Shaw, Isabella Rossellini, Elias Koteas, Moni Moshonov, Samantha Ivers, John Ortiz, Bob Ari e Julie Budd.

Anúncios

Tags: , , , , , , , , ,

11 Respostas to “Amantes (Two Lovers, 2008)”

  1. Tiago Ramos Says:

    É um bom filme, bastante clássico e realista. Em português de Portugal, o título adaptado foi “Duplo Amor”.

    • Bruno Pongas Says:

      Lembro-me de quando fui a Portugal e me diverti com as traduções completamente diferentes das que temos aqui. ‘Exterminador do Futuro’, por exemplo, é ‘Exterminador Implacável’ em Portugal… é bem legal observar essas coisas :]

  2. Caio Says:

    É um dos três melhores filmes da década. O cinema “maduro” de James Gray ganhando força cada vez mais…

    • Bruno Pongas Says:

      Entre os três eu não tenho certeza, mas no TOP 10 sem dúvidas. Concorrer com ‘Senhor dos Anéis’, por exemplo, é bem complicado.

  3. Luís Says:

    Quando vi esse filme, algo me chamou a atenção nele. Muito provavelmente foi a presença da excelente Laura Linney, sempre muito carismática, até mesmo em personagens cujo carismo não é a característica mais marcante.
    Ainda não conferi o filme, mas vou vê-lo embora. Quando uma obra recebe a nota 10, há de ser visto, certo?

    O Movie Fr Dummies foi adicionado como favorito no nosso Blog. Em breve faremos uma apresentação formal do seu Blog. Confira lá.
    ;)

    • Bruno Pongas Says:

      Luís…
      Acho que o filme faz por merecer a nota 10, mas peço que assista ao longa sem expectativa, já que criar esse tipo de sentimento antes é sempre muito perigoso…
      Ah, e obrigado por nos adicionar.
      Vou adicioná-los aqui também.

      Abs!

  4. charlesmh Says:

    Ótimo comentário, Bruno. Esse filme realmente pega a gente de surpresa. abs.

  5. Luís Says:

    Sabe, agora que eu prestei atenção num detalhe: o filme sobre o qual eu comentei não é esse!
    Laura Linney não está presente nesse filme. Eu me confundi. Mas, de qualquer maneira, vou conferir, pois certamente pode ser uma obra interessante.
    Há tempos que Gwyneth Paltrow não está presente num filmaço. Às vezes, me pergunto se algum dia ela esteve.

  6. Red Dust Says:

    Grande nota!!!!! Estreou recentemente em Portugal e é um dos que está na minha lista para ver.

    Abraço.

  7. Victor Says:

    To indo ver essa porra só por causa do seu comentário. Se não for bom vc vai devolver minha grana… rsrs!

    • Bruno Pongas Says:

      hahuahahaouhaouihoaihoiuahoauihoiuaa..
      Pode ir na fé!!! Depois comenta aqui e diz se gostou.. (espero que goste, pq não quero ter que pagar o ingresso de ninguém).. hahaha

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: